Rede ParceriaBlog.

Programas de incentivo: como o Clube de Vantagens se destaca das outras modalidades

programas-de-incentivo-clube-de-vantagens-destaque

Oferecer uma experiência completa ao seu cliente, que não apenas o satisfaça como também o encante, é atualmente um dos principais objetivos de qualquer empresa — vista a infinitude de informações e escolhas que ele tem em mãos.

Nessa jornada, os programas de incentivo vêm sendo uma aposta, já que unem desde a oferta de produtos e serviços parceiros até a gamificação — recompensando os clientes mais engajados com pontos e insígnias que podem ser trocadas por créditos ou serviços gratuitos, por exemplo.

Um desses programas de incentivo é o Clube de Vantagens. Através dele, as empresas são capazes de oferecer experiências que atraiam o seu público-alvo, que pode ser tanto os colaboradores quanto clientes.

Entre ingressos de cinema, descontos exclusivos, milhas de viagem e até mesmo cashback, os incentivos são estratégias para reter o seu público, tornando-os mais engajados em atividades como:

  • navegar, conhecer o site ou plataforma e, consequentemente, o que representa o seu negócio
  • curtir e compartilhar conteúdos das suas redes sociais, e até mesmo recomendá-lo a outras pessoas
  • conhecer melhor seu produto — que pode ser uma plataforma ou aplicativo, por exemplo
  • consumir um serviço recém-lançado, fornecendo ideias de como você pode melhorá-lo ao longo do tempo

Diante de tantos benefícios, você deve se perguntar: qual programa de incentivo é o ideal para minha empresa? Ou se a sua já tem algum em atividade, qual outro você pode apostar?

Por que você deve apostar no Clube de Vantagens

O clube de vantagens é uma ótima aposta quando você reúne uma base significativa de clientes e deseja uma solução 100% digital e personalizável

Diferente de outros tipos de programas, seus incentivos são frutos de parcerias estratégicas e sua comunicação pode ser automatizada, atenuando os esforços da sua equipe e, ainda assim, mantendo a pessoalidade necessária.

Para ilustrar melhor, separei a seguir uma análise de diferenciais entre o clube de vantagens e os programas de incentivo mais comuns:

Clube de Vantagens x Programa de pontos/milhas

Provavelmente você já viajou de avião e deve ter percebido, durante a compra da passagem ou após o voo, notificações sobre o acúmulo de milhas para cada trajeto realizado.

Empresas aéreas, postos de combustível e aplicativos de transporte são destaques no investimento em programas de milhas, pois esperam que seu cliente volte a comprar seus produtos e serviços ao oferecer passagens de graça e descontos exclusivos em troca dos pontos acumulados.

Inclusive, tais programas até se intitulam como “clubes”, trazendo a ideia de pertencimento e acesso exclusivo aos usuários.

A questão é que, diferentemente de um clube de vantagens, o programa de pontos geralmente requer um consumo alto e contínuo, associação em planos específicos para resgate (com mensalidade ao cliente) e até mesmo resiliência do usuário — pois o mesmo em geral fica perdido na usabilidade e nas regras de acúmulo e resgate dos pontos.

Clube de Vantagens x Cashback

O cashback pode ser considerado uma evolução do programa de pontos, já que seguem uma ideia de resgate bastante similar. O administrador é comissionado pelas transações e devolve uma parte para o usuário, mas desta vez em dinheiro.

Ainda existe pouco conhecimento e reconhecimento do seu valor por parte dos clientes, visto que seu benefício só é percebido a médio prazo, quando os pequenos “dinheiros de volta” retornam e podem ser resgatados, geralmente em um prazo de 30 dias após a compra efetuada. Plataformas como a AME, a Meliuz e o PicPay são as mais conhecidas por utilizar o cashback. 

Nesse caso, investir em um clube de vantagens pode ser uma opção mais segura — e com retornos visíveis a curto prazo já que o usuário consegue fazer resgate imediato e sem limitações do benefício desejado.

Clube de Vantagens x Compras coletivas

Apesar do boom das compras coletivas já ter passado, muitas empresas ainda investem nesse programa de incentivo, principalmente no setor de alimentação e entretenimento.

O diferencial do clube de vantagens aqui é: enquanto que as compras coletivas dependem muito do engajamento mútuo do público e de datas comemorativas (aniversários, shows, peças de teatro) e ainda assim contam com a disponibilidade financeira dos usuários, o clube pode centralizar seus esforços em ações de marketing e parcerias capazes de oferecer, também, experiências individuais.

Clube de Vantagens x Cupons de desconto

Certamente você já pediu alguma refeição delivery em aplicativos como o IFood, UberEats e Rappi. E não só deve ter percebido, como utilizado os cupons de desconto oferecidos ao longo do dia.

Esse tipo de incentivo — que aparece principalmente em aplicações de alimentação, moda e transporte — apresenta seu valor quando o assunto é manter os usuários engajados no consumo, principalmente aqueles que acabaram de conhecer a solução.

Acontece que sua disponibilidade é limitada, desgasta o cliente ao longo do tempo e depende muito da qualidade dos parceiros e da tecnologia empregada. 

Nesse contexto, o clube de vantagens é uma ferramenta capaz de oferecer descontos mais abrangentes e sem a necessidade de busca e ativação condicionada dos cupons digitais — visto que os usuários gastam energia em sites como o Cuponomia, Cuponeria e Pelando e podem, nesse processo, se frustrarem com códigos errados ou vencidos.

Clube de Vantagens x Gamificação

Por fim, muitas empresas de aplicativos e SaaS estão inserindo elementos de gamificação em seus produtos, no intuito de incentivar o consumo e reter o público (principalmente os mais engajados, é claro).

Um exemplo é a Uber. Você deve ter percebido que eles lançaram o “Uber Rewards”, que disponibiliza recompensas como desconto em corridas e suporte prioritário por meio do acúmulo de pontos do usuário — dependendo da quantidade, ele pode ser qualificado em níveis que vão desde o prata até o diamante.

Essa estratégia, que utiliza elementos típicos de jogos e tornam a experiência do cliente mais lúdica e educativa, também pode ser explorada num clube de vantagens. 

Ou seja: ele se torna muito mais completo e acessível ao usuário, já que uma simples gamificação apresenta limitações — como a necessidade de desenvolvimento específico dos aplicativos, dependência da tecnologia móvel do usuário, adesão e progresso instáveis.

Seja o destaque entre seu público

De fato, a grande corrida das empresas pela conquista e fidelidade do seu público-alvo (colaboradores e clientes) trouxe muitas práticas novas ao mercado.

Mais importante do que iniciar seu programa de incentivos e vencer a concorrência é entender o comportamento do seu público, escutando ativamente suas dores e objetivos. Ter esse conhecimento fará você ser mais assertivo no processo.

Se você ainda não investiu em programas de incentivo e deseja apostar nessa estratégia, a Rede Parcerias conta com uma série de conteúdos e soluções para o seu negócio adotar a ferramenta ideal e se destacar entre o público.

Agende uma demonstração da nossa plataforma e fique por dentro dos planos disponíveis.

Faça o download desde post inserindo seu e-mail abaixo.

Outros posts